No período de 14 à 18 de outubro, o centro de convenções de Ilhéus sediará o IX Congresso Brasileiro de Sistemas Agroflorestais (IX CBSAF), com o tema central: “Políticas Públicas, Educação e formação em sistemas agroflorestais na construção de paisagens sustentáveis”.  Este ano a Bahia foi escolhida pela sua importância histórica para o desenvolvimento de Sistemas Agroflorestais no Brasil e por representar uma parcela significativa da cultura e riqueza social do país.
Durante o congresso serão discutidos temas relacionados à pesquisa, programas de incentivo a sistemas agroflorestais, tais como: legislação, crédito e viabilidade socioeconômica ambiental, experiências inovadoras com ensino e aprendizagem, produção agroflorestal de povos indígenas no Brasil, plantas medicinais em sistemas agroflorestais, potencial de uso, cultivo e utilização, entre outros.
Considerado um dos mais importantes eventos da América do Sul sobre a temática agroflorestal, o IX CBSAF apresenta uma programação diversificada com minicursos, visitas técnicas, apresentação científica, sessões temáticas e conferências, entre outras atividades.
O congresso oportunizará o debate dessas questões que poderão servir como base para o desenvolvimento de estratégias que atendam às aspirações da sociedade brasileira. Especialistas e agricultores com notória experiência nos temas estarão reunidos contribuindo com a transferência de conhecimentos, buscando melhorar a estruturação do avanço científico e tecnológico e a promoção dos Sistemas Agroflorestais no País.
No dia 17 de outubro, às 15h, será realizada uma Assembleia Geral Ordinária para escolher o local que irá sediar a 10ª edição do congresso. Para a presidenta do congresso Profª. Cinira Araújo do IF Baiano – Campus Uruçuca, “realizar o CBSAF no Sul da Bahia é reconhecer a importância da temática da agroecologia e dos Sistemas Agroflorestais para a região, que ser considerado como uma diretriz central para o desenvolvimento local com sustentabilidade. Aqui ele encontra condições promissoras para ser aperfeiçoado e é estratégico ao agricultor local, principalmente o pequeno ao promover um maior rendimento econômico e maiores ativos ambientais por área cultivada”.
O IX CBSAF é promovido pela Sociedade Brasileira de Sistemas Agroflorestais (SBSAF), realizado por um conjunto de instituições, dentre elas IF Baiano – Campus Uruçuca, Instituto Cabruca, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), Comissão Executiva da Lavoura Cacaueira (CEPLAC), Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) com o patrocínio do Governo da Bahia, SETUR – Bahiatursa, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), Prefeitura Municipal de Itabuna, Associação Baiana das Empresas de Base Florestal (ABAF), Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Projeto Corredores Ecológicos e Fibria Celulose.