amizade
Parece mesmo consolidado o “caso de amor” entre o governador Jaques Wagner (PT) e o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM). Para um correligionário, o governador afirmou se sentir surpreso com a qualidade no relacionamento que estabeleceu com o herdeiro do carlismo.
Wagner chegou a avaliar, que, tivesse sido assim com o então prefeito João Henrique (PP), a situação da capital seria outra, em relação à qual acha que o democrata enfrentará ainda muitas dificuldades.