Professores durante a assembleia. Foto: Ascom/sindicato.

Professores durante a assembleia. Foto: Ascom/sindicato.

Enquanto os docentes da UESC se preparam para uma greve, veja aqui, os professores da rede municipal de ensino em Itabuna decretaram paralisação por tempo indeterminado nesta quarta-feira (22).
A greve foi decidida em assembleia realizada no auditório do antigo Colégio Polivalente (CEEP). Cerca de 500 professores participaram.
Na assembleia, a categoria rejeitou proposta do governo de reajuste de 7,97%. Os professores querem 15% parcelado em até três vezes, além da equiparação do piso.
A partir da próxima segunda-feira (27), 120 escolas da rede ficarão sem aulas.
Em nota, a prefeitura pediu aos professores a suspensão da greve.