proconBalanço da Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Itabuna mostra que no primeiro quadrimestre deste ano foram 784 reclamações processadas.
As principais reclamações no foram contra o descumprimento de prazo e suspensão de serviços com contas pagas.
Os dados do Procon mostram que as lojas de móveis e eletrodomésticos lideram o ranking de reclamações, com registro de 162 queixas. Na segunda colocação aparecem as empresas de telefonia móvel e fixa, com 132 notificações, seguidas dos bancos e financeiras que responderam a 133 ocorrências.
Empresas de cartões de crédito, planos de saúde também aparecem na lista.
O diretor do Procon em Itabuna, Marcos Bastos assegura que parte das queixas é resolvida na hora, sendo que muitas delas com ida dele diretamente à empresa e outras por telefone.
O Procon funciona de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, na rua Ruffo Galvão, número 19, em frente ao Fórum Ruy Barbosa.