DO A TARDE
Agência ficou destruída. Foto: A Tarde.

Agência ficou destruída. Foto: A Tarde.

Um bando de homens armados e encapuzados explodiram com dinamite dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil e um do Bradesco, por volta das 3h30 deste sábado, 20, em duas praças do centro da cidade de Jaguaquara, localizada a 320 km de Salvador, informa a polícia local. Ninguém ficou ferido. Não há informação sobre o valor da quantia roubada.

Conforme a Delegacia do município, o primeiro caixa eletrônico a explodir foi o do Bradesco, localizado na Praça dos Imigrantes. Em seguida, foi a vez do Banco do Brasil, na praça J.J. Seabra. As agência ficaram totalmente destruídas. Os bandidos estavam fortemente armados com fuzis e pistolas e, segundo a polícia, fizeram guarda na frente da delegacia para impedir a saída de policiais enquanto agiam.

“Eles colocaram correntes na porta dos batalhões e da delagacia. Foi tudo muito rápido. Não deu tempo para a polícia agir. Fomos impedidos devido ao grande número de bandidos”, explica a delegada titular do município, Maria do Socorro Damásio.
Ainda de acordo com a delegada, dois homens armados, provavelmente pertencentes da quadrilha, vigiaram a casa dela e do comandante da PM em Jaguaquara. “Havia um carro branco com película escura na frente da minha casa, ficaram ali por mais de cinco minutos. Assim que vi o carro, eu desisti de sair de casa”, relata.