Assembleia deliberou pelo indicativo.

Assembleia deliberou pelo indicativo.

Os professores da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia aprovaram em assembleia agora pouco o indicativo de greve da categoria.
A decisão é um sinal claro de que as propostas apresentadas ontem (quarta, 17) pelo governo não agradaram.
Segundo a Associação dos Docentes da UESC (Adusc), a proposta sequer cita o reajuste salarial de 28% reivindicado. O calendário de reposição da CET também não teria agradado.
Com o indicativo na UESB, uma nova assembleia será marcada após outra rodada de negociação com o governo. Se permanecer o impasse, a greve deve ser iniciada.