Gracinha Viana.

Gracinha Viana.

A prefeita de Maraú, Gracinha Viana, baixou decreto no dia 08 deste mês acabando com qualquer tipo de gratificação ou vantagem para os servidores municipais.
Para justificar a medida, Gracinha argumenta o alto gasto com pessoal. O percentual máximo permitido pela legislação é de 54% das receitas da cidade. Nesses primeiros três meses da gestão, já se gasta 61%.
Sindicatos questionam o posicionamento da prefeita. Contra argumentam com base no alto número de ocupantes de cargos comissionados no município.
No fim, Gracinha aperta de um lado e libera a grana do contribuinte do outro.